América Retail | Homepage
Friday, March 24, 2017

La primera comunidad del retail en Latinoamérica

Brasil: Varejo tem crescimento de 11% nas vendas na Black Friday

Brasil: Varejo tem crescimento de 11% nas vendas na Black Friday

Noviembre 29, 2016

👤Periodista: María Alejandra Lopez 🕔29.Nov 2016

 

Dados divulgados pelo Serasa Experiam apontam que entre os dias 25 a 27 de novembro, os comércios de ruas e shopping centers venderam 11% durante a Black Friday em comparação com a mesma data sazonal do ano anterior, quando o crescimento em vendas foi de 9,0%.

Os dados fazem parte do Indicador Serasa Experian de Atividade do Comércio – Black Friday 2016 e na opinião dos economistas do órgão o crescimento mostra que a data está se consolidando como uma das mais importantes do setor. “O crescimento positivo de 11,0% nas vendas da Black Friday em 2016 revela que esta data está ganhando relevância dentre outras datas importantes do movimento varejista nacional. Contudo, é importante ressaltar que um movimento mais forte na Black Friday tende a antecipar e, provavelmente, levar a um enfraquecimento das vendas de Natal”.

Mesmo com o resultado positivo em vendas, balanço do Procon-SP apontou que até às 13h do sábado (23), o órgão contabilizou 845 atendimentos, sendo que 583 foram denúncias  e reclamações dos consumidores em relação as empresas participantes da Black Friday.   O Procon-SP informou também que as orientações e interações com os consumidores somou 262 no período.

Leia TambémGrupo St. Marche recebe aporte milionário do L Catterton

mudança de preço ao finalizar a compra registrou o maior índice de reclamações com 22,47%, seguido por produtos e serviços anunciados e indisponíveis foi de 19,21% e das maquiagens com 16,30% das queixas dos consumidores. O órgão apontou ainda que problemas com os site teve participação de 2,74% das reclamações dos consumidores e 7,38% relataram pedido cancelado sem justifica por parte das empresas participantes.

Vendas online

As vendas nas lojas virtuais somaram R$ 1,9 bilhão na Black Friday, apontou o balanço da Ebit. Cerca de 20% das compras online realizadas durante a data sazonal foram feitas por meio de dispositivos móveis como celulares e tablets. O percentual representa R$380 milhões dos R$1,9 bilhão faturado pelo e-commerce na edição do dia promocional deste ano.

Já na comparação com igual período do ano anterior (2015) a Ebit informou que esse percentual mais que dobrou. Segundo o CEO da Ebit, Pedro Guasti, o número de compras por dispositivos móveis surpreendeu nesta edição da Black Friday. “Para um público cada vez maior o smartphone é o meio principal de acesso à internet. As principais lojas passaram a oferecer ou aperfeiçoaram seus aplicativos, tornando a utilização cada vez mais inteligente, isso também impactou positivamente no crescimento deste público”, disse.

Fonte: Economia – iG 

Articulos relacionados

Brasil: Preço das carnes deve cair de 10% a 15% no mercado

Brasil: Preço das carnes deve cair de 10% a 15% no mercado

Marzo 23, 2017

  A operação Carne Fraca, que a Polícia Federal fez em 21 frigoríficos na última sexta-feira, pode

Brasil: Japão e México suspendem importação de carne de frigoríficos brasileiros

Brasil: Japão e México suspendem importação de carne de frigoríficos brasileiros

Marzo 22, 2017

  Japão e México anunciaram, nesta terça-feira (21), que vão interromper a importação da carne brasileira

Brasil: Sistema gratuito de análise de concorrência para o varejo

Brasil: Sistema gratuito de análise de concorrência para o varejo

Marzo 21, 2017

  Um preocupação constante dos empresários ao redor do mundo é a concorrência. Para 31,5% dos

Brasil: Colcci se rearma en España

Brasil: Colcci se rearma en España

Marzo 20, 2017

  Colcci se arma con toda su artillería en España. La compañía brasileña, propiedad de uno de

Brasil: Como fidelizar o consumidor brasileiro

Brasil: Como fidelizar o consumidor brasileiro

Marzo 17, 2017

  A relação consumidor versus empresa nem sempre é fácil. De um lado temos uma parcela

Últimas Noticias

Newsletter

SECTIONS

América Retail