América Retail | Homepage
Monday, May 29, 2017

La primera comunidad del retail en Latinoamérica

Brasil: Natura pode comprar a marca de Body Shop pertencente à L’Oreal

Brasil: Natura pode comprar a marca de Body Shop pertencente à L’Oreal

Abril 26, 2017

Autor/Fuente: Economia-iG 👤Periodista: María Alejandra Lopez 🕔26.Abr 2017

 

A venda da marca de cosméticos britânica The Body Shop, hoje pertencente a gigante francesa L’Oreal, movimentou o mercado. Segundo reportagem da agência de notícias Bloomberg, a Natura foi uma das escolhidas para continuar no processo de venda da empresa.

Além da Natura, foram citadas como “preferidas” para a compra da The Body Shop as empresas de private equity CVC Capital Partners, Advent International Corp. e a  Investindustrial Advisors SpA. Fontes próximas à empresa francesa informaram à agência de noticias que as negociações atualmente giram em torno de 800 milhões de euros. Em fevereiro a L’Oreal informou ter a intenção de explorar de forma estratégica e rentável a venda da marca britânica, que tem sido feita como uma espécie de leilão.

Procurada pela reportagem do Brasil Econômico, a Natura informou, por meio de sua assessoria, “que não comenta rumores de mercado”. Porém, a compra não seria tão infundada uma vez que a marca já tem experimentado o varejo físico no Brasil. Do ano passado para cá a marca de cosméticos nacional, que tem como base de negócios a venda por catálogo, abriu lojas em diversos shoppings de São Paulo. Em ações anteriores a marca abriu lojas pop-up (temporárias) em que a experimentação era a intenção e não a venda de produtos.

Leia Também: Conheça serviços delivery após um simples download  

Novos negócios

Nas unidades atuais, sendo oito no total, todos os produtos da marca são comercializados, sendo que a Natura escolheu shoppings de classe média alta de São Paulo para abertura deste novo canal de venda, aproximando-se assim de uma classe mais elitizada e que tem certo preconceito por produtos vendidos em catálogos. O e-commerce também já faz parte da realidade da empresa, além dos produtos da linha Soul que são comercializados em redes de farmácia.

A chegada de concorrentes de peso como O Boticário, Eudora, Jafra Cosméticos e demais players no tradicional setor de venda direta, ou porta a porta, fez a Natura sair do tradicional e apostar na maior proximidade com o consumidor.

Queda nas vendas

Enquanto a Natura reportou lucro líquido consolidado de R$ 201,8 milhões no quarto trimestre do ano passado, o que representa alta de 38,8%, a The Body Shop viu seu lucro despencar 38% para 33,8 milhões de euros em 2016. A concorrência acirrada foi a justificativa da L’Oreal para a queda nas vendas no período, além de informar que ainda não tomou uma decisão referente a venda da The Body Shop.

Fonte: Economia – iG 

Articulos relacionados

Brasil: Plataforma inédita é aposta de varejistas para fugir da crise

Brasil: Plataforma inédita é aposta de varejistas para fugir da crise

Mayo 26, 2017

  Apesar da perspectiva de melhoria na economia brasileira, as vendas no comércio tiveram mais um

Brasil: Heinz fará recall de 22 mil embalagens de molho de tomate

Brasil: Heinz fará recall de 22 mil embalagens de molho de tomate

Mayo 25, 2017

  A empresa de alimentos Heinz Brasil S.A fará um recall de mais de 22 mil

Brasil: Bolsa de Brasil retrocede 1,54%

Brasil: Bolsa de Brasil retrocede 1,54%

Mayo 24, 2017

  El mercado financiero brasileño aún está aturdido luego del golpe que significó el escándalo político-empresarial

Brasil: Consumidor muda os hábitos em momentos de crise econômica

Brasil: Consumidor muda os hábitos em momentos de crise econômica

Mayo 23, 2017

  Impulsionado pela crise econômica do País, consumidor com orçamento familiar mais  apertado está menos preso

Brasil: Soma do valor de mercado das principais marcas brasileiras tem aumento de 70%

Brasil: Soma do valor de mercado das principais marcas brasileiras tem aumento de 70%

Mayo 22, 2017

  As 60 principais marcas do Brasil, de acordo com o ranking anual Brandz Brasil somaram

Últimas Noticias

Newsletter

SECTIONS

América Retail